Quinta de São João

3

Mais uma viagem dos Caça Devolutos desta vez até à Pampilhosa visitar mais um devoluto.

Não conseguimos até ao momento recolher informação sobre este prédio, pelo que pedimos a quem nos visita que caso conheçam o devoluto e a sua história fazerem o favor de nos contactar para conseguirmos detalhá-lo melhor .

Podem fazê-lo deixando um comentário ou então enviando um mail para info@cacadevolutos.pt.

Obrigado

E agora vamos aos registos fotográficos

Partilhar.

Acerca do Autor

Será sempre o abandono desprezível, feio e inútil? A minha resposta é despida de "floreados"como o próprio abandono, NÃO! Uma sociedade completamente obcecada com o progresso e desenvolvimento, faz com que os lugares por nós visitados não estejam somente ao abandono, mas também esquecidos. Partilho com os meus amigos o prazer pela fotografia e pela descoberta de novos pontos de interesse que por uma razão ou outra foram lentamente deixados à mercê do tempo. Esse que nunca pára! O objectivo? Fazer com que espaços com história não caiam no esquecimento para sempre e que de alguma forma dê a conhecer um pouco das suas histórias enquanto activos.

3 Comentários

  1. De facto um registo bastante bom! Parabéns amigo Devoluto (quão estranho soa isto! LOL)

    Acho muito interessante como é que um lugar tão sombrio como este, esquecido no tempo, ainda tem tanta cor…que lhe dá uma certa vida!

  2. Só hoje descobri este magnifico registo com referência à Pampilhosa, a terra que me viu nascer.

    Estudei durante a minha infância na Escola Primária que se encontra no acesso a esta Quinta e já nunca a conheci habitada. Apesar de nunca ter explorado o seu interior, na memória guardo a imagem exterior dos seus jardins já invadidos pela vegetação, que quem conhecia descrevia como sendo bastante ricos e com especies exoticas. Pouco antes do incendio cheguei a ver algumas fotos do interior do edificio, com frescos em relativo bom estado e entalhes em madeira exotica, igualmente bem conservados.

    O edificio do Challet, devido à sua localização sobrelevada sempre foi um marco na paisagem Pampilhosense, sendo possivel avistá-lo de vários pontos da baixa. Constam os boatos que o abandono da Quinta e respetivo edificio se devem a conflitos com herdeiros e partilhas, conduzindo à degradação e abandono dos mesmos.

    Foi com tristeza que assisti de longe, aos relatos e imagens do incendio que consumiram parte do património da Vila, rica em edificios outrotora imponentes e agora cada vez mais votados ao abandono.
    Já partilhei o artigo junto de um grupo local, a ver se será possivel obter mais alguns relatos sobre esta Quinta.

Deixa Uma Resposta