Fábrica de Papel do Boque

0

Esta fábrica de papel é conhecida por Fábrica de Papel do Boque ou Fábrica de Papel em Serpins de Viúva Macieira & Filhos.
Segundo o painel metálico presente num dos portões de acesso a esta fábrica, foi fundada em 1804.

Edifício datado do século XIX, dividido em diversos setores, designadamente, a casa de báscula, os armazéns, a carpintaria, a serralharia, a fundição, a casa das caldeiras, o açude, o tanque de decantação e o edifício fabril. Este último alberga maquinaria de enorme interesse para a arqueologia industrial.

Aquando a nossa visita, não nos foi possível visitar todo o complexo, devido a diversos factores: Falta de luz, acessos impedidos pela vegetação que cresce selvagem e a preocupação de dois habitantes que “guardam” o complexo, que em tempos devem ter feito parte do pessoal operário da fábrica e hoje são o que resta desses tempos.

A fábrica foi adquirida pelo actual proprietário, Viúva Macieira & Filhos na década de 70 do séc. XIX, justificando o anterior proprietário (Sr. José Joaquim de Paula) que face às más condições de acesso a fábrica não tinha a rendibilidade pretendida. Foi já com os novos donos que se deu a 2ª fase de construção, com a construção de novos edifícios e introdução de novos mecanismos, nomeadamente uma máquina de fabrico de papel contínua, a primeira a laborar em Portugal.

Ficam então algumas fotos:

Partilhar.

Acerca do Autor

Fascinam-me estes locais que têm tanta história para nos contar!

Deixa Uma Resposta